Globo faz de tudo para apagar lembranças do BBB17, descarta Emilly e dá nova chance para Vivian - WillCarvalho.com - O blog do Will Carvalho Locutor

sábado, 20 de janeiro de 2018

Globo faz de tudo para apagar lembranças do BBB17, descarta Emilly e dá nova chance para Vivian

Estreia na próxima segunda-feira, 22/01, a décima oitava temporada do reality show Big Brother Brasil na TV Globo. O BBB teve os seus novos participantes revelados na tarde da última quinta-feira, 18/01, durante os intervalos da programação da emissora carioca.

De acordo com informações do jornalista Maurício Stycer, do Uol, a direção da emissora faz de tudo para apagar as lembranças da edição do ano passado. Toda a polêmica envolvendo o caso de agressão entre Marcos Harter e Emilly Araújo não foi bem aceita pelos diretores e acabou manchando a imagem do canal.

A chance dada a Vivian Amorim, que será repórter ao lado de Fernanda Keulla, é a prova de a Globo não quer nem lembrar de Emilly. A propósito, o esforço para renovar o contrato da ganhadora da edição passada do BBB foi zero. O interesse nela nunca existiu.

GLOBO VENDE COTAS DE PATROCÍNIO ANTES DA ESTREIA DO BBB18

Após ano difícil em que perdeu patrocinadores, o Big Brother Brasil voltou a ter todas as cotas de patrocínio vendidas em sua 18ª temporada e tem faturamento histórico antes da estreia.

Depois de sofrer com a saída de patrocinadores, a Globo congelou os preços e conseguiu vender todas as seis cotas do BBB18 comercializadas no mercado. Neste ano, o reality show é patrocinado por Guaraná Antarctica, Sadia, Cerveja Itaipava, Nestlé, PagSeguro e Walmart, que desembolsaram R$ 34.7 milhões de reais cada – o mesmo valor de quem patrocinou em 2017.

Com 100% das cotas de patrocínio do BBB18 vendidas, o programa vai ter faturamento histórico antes da estreia: R$ 208.2 milhões. Em 2017, o BBB foi ao ar com apenas quatro das seis cotas vendidas, faturando R$ 138.8 milhões, inferior aos R$ 191.4 milhões da edição de 2016. Com isso, a Globo deixou de faturar R$ 69.4 milhões.

Na temporada de 2017, somente duas das seis empresas renovaram o patrocínio com a atração que passou a ser comandada por Tiago Leifert: Guaraná Antárctica e Itaipava. Enquanto Claro e Magazine Luíza se juntaram ao time do BBB, Walmart, Rexona e Crefisa, além da Fiat (que patrocinava a atração há 15 anos) “pularam fora do barco”.

AS INFORMAÇÕES SÃO DO SITE TV FOCO

Nenhum comentário:

Postar um comentário