Netflix testa plano mais caro no Brasil e pode piorar os já existentes - WillCarvalho.com - O blog do Will Carvalho Locutor

terça-feira, 10 de julho de 2018

Netflix testa plano mais caro no Brasil e pode piorar os já existentes

Empresa possui 125 milhões de usuários em todo o mundo, mas ainda não é lucrativa


Você que é fã de Netlix, vem má notícia por aí. A plataforma de streaming começou a testar no Brasil a comercialização de um novo plano de assinatura, chamado de pacote ultra. Isso significa que será uma opção acima da premium, que era o mais completo até sua chegada.

Comum no mercado, o plano é oferecido com valores diferenciados para novos clientes. Tal estratégia visa descobrir qual preço pode trazer mais lucro para a empresa.

=CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE=



Segundo a Revista Veja, aponta para dois cenários de preço: em um deles, o ultra é vendido por R$ 45,90 e, no outro, por R$ 53,90.

Na primeira opção, a Netflix diminui os recursos do pacote premium, que custa R$ 37,90, para tornar o ultra mais atraente. Em vez das quatro telas simultâneas em 4K tradicionalmente inclusas na premium, com o lançamento da nova possibilidade, o cliente passa a ter direito a apenas duas. As quatro telas entram na opção ultra. Por R$ 45,90, inclui também a tecnologia HDR, que melhora o brilho e o contraste da imagem. O pacote básico, cujo valor é de R$ 27,90, passa a disponibilizar apenas uma transmissão por vez, e não mais duas, como ocorre atualmente.

No segundo cenário, as condições dos pacotes premium e básico permanecem inalteradas, e o novo ultra sai por R$ 53,90 mensais, com acréscimo de HDR.

Assinantes do plano premium ainda não foram afetados com a mudança. Não há informação sobre alterações futuras para quem já é assinante.

A Netflix possui 125 milhões de usuários em todo o mundo, mas ainda não é lucrativa e acumula dívidas de 15,5 bilhões de dólares por financiar as próprias séries e filmes.


Com informações do site Notíciasaominuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário