Ads Top

Idosos com 60 anos ou mais poderão sacar fundo PIS/Pasep a partir do dia 24



O governo retomou nesta segunda-feira (8) o saque do dinheiro do fundo PIS/Pasep para mulheres com idade mínima de 62 anos e homens a partir dos 65 anos. No dia 24, o saque será liberado também para quem tem a partir de 60 anos,

Veja o novo cronograma de saques:

==CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE==



Já liberado: mulheres com 62 anos ou mais, e homens com 65 anos ou mais;

22 de janeiro: pessoas com pelo 60 anos ou mais e que têm conta na Caixa Econômica Federal ou no Banco do Brasil receberão o dinheiro automaticamente;

A partir de 24 de janeiro: pessoas com 60 anos ou mais e que não têm conta na Caixa ou no BB poderão sacar o benefício no seu banco.

Idade mínima foi reduzida pela segunda vez

Foi a segunda vez que o governo reduziu a idade mínima para o saque do fundo PIS/Pasep.

Em setembro do ano passado, a idade já havia caído, de 70 anos para todos, para 65 anos para os homens e 62 anos para as mulheres. Como a Medida Provisória que autorizou o saque perdeu a validade no final de dezembro, a regra antiga voltou a valer e o saque voltou a ser restrito a quem tinha 70 anos ou mais.

Agora, entrou em vigor no sábado (6) a nova medida provisória, que reduz a idade mínima para 60 anos para homens e mulheres.

Quem tem direito?

Tem dinheiro no fundo PIS/Pasep quem trabalhou como contratado em uma empresa ou como servidor público antes de 4 de outubro de 1988, e ainda não sacou todos os recursos.

A maioria das pessoas que tinha direito ao saque não recebeu o dinheiro. Segundo dados do Ministério do Planejamento, até o dia 10 de dezembro, foram beneficiadas 1,48 milhão de pessoas, das quase 8 milhões que têm direito. Do total de recursos disponíveis (R$ 15,9 bilhões), apenas 12,1% foram sacados (R$ 1,923 bilhão).

Só tem dinheiro nesse fundo quem trabalhou como contratado em uma empresa ou servidor público antes de 4 de outubro de 1988 e ainda não sacou todos os recursos.

Para poder sacar o saldo dessa conta, é necessário preencher pelo menos um dos seguintes requisitos:

70 anos de idade ou mais;

Estar aposentado;

Invalidez;

Reforma militar ou transferência para a reserva remunerada;

Câncer de titular ou de dependentes;

Portador de HIV;

Amparo social ao idoso, concedido pela Previdência;

Amparo assistencial a portadores de deficiência da Previdência;

Doenças graves em caso de morte do trabalhador, a família pode sacar.


Com informações do site Folha Ms

Nenhum comentário :

Tecnologia do Blogger.