Homem acha carteira com mais de R$ 5 mil em praia e encontra dono - WillCarvalho.com - O blog do Will Carvalho Locutor

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

Homem acha carteira com mais de R$ 5 mil em praia e encontra dono

Caso ocorreu nesta segunda-feira, no calçadão da Praia de São Conrado

O barman Marcello Farias, de 42 anos, não descansou até descobrir o dono de uma carteira cheia de documentos, cartões e mais de R$ 5 mil reais, encontrada no calçadão de São Conrado, na Zona Sul do Rio, na tarde de segunda-feira. O dono era Leandro Carlosa, de 43 anos, que estava hospedado próximo ao local onde foi encontrado o objeto.

====CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE===



O morador da Rocinha conta que caminhava com um amigo Marcos Nascimento pela praia, quando achou a carteira no chão do calçadão. Inicialmente, ele acreditava ser de algum conhecido de uma mulher que estava perto. Mas ao ver os documentos, percebeu que o dono se tratava de um argentino.

— Perto da carteira tinha uma moça, achei que pudesse ser de algum conhecido dela. Mas quando perguntei, ela negou.

Farias fez uma publicação em uma página que administra nas redes sociais — Salvemos São Conrado — com mais de 40 mil seguidores na tentativa de que o post pudesse chegar até o turista. Ele disse ainda que tentou buscar pelo nome e sobrenome nas redes, mas não conseguiu localizá-lo.


A partir de sugestões de internautas, Marcello e o amigo seguiram até o hotel mais próximo, e funcionários da recepção conseguiram confirmar a hospedagem do argentino.

— Fomos até o Gran Meliá Nacional Rio de Janeiro, que fica em frente de onde achamos a carteira. A recepção conseguiu ver que ele estava hospedado lá. Eles queriam que eu deixasse a carteira com eles, mas eu disse que só entregava nas mãos do dono — contou Marcello, que deixou seu número de telefone para que o turista entrasse em contato.

Não demorou muito e recebeu uma ligação. — Fomos até lá e entregamos em mão. Ele ficou bem feliz pela atitude e como recompensa nos deu 100 dólares. A gente não queria aceitar porque o que fizemos foi apenas o certo. Mas ele insistiu... (risos) — brinca o barman.

As informações são do site O Globo

Nenhum comentário:

Postar um comentário