Ads Top

8 informações sobre o whey protein que você precisa saber

Suplemento é o queridinho das academias



Se você não passou uma temporada em Marte nos últimos anos, com certeza pelo menos já ouviu falar do whey protein. Este suplemento é o queridinho das academias e indicado por vários profissionais da nutrição e mundo fitness. Em forma de pó para shake ou barra de cereais, muitas pessoas ingerem o suplemento após o treino.

Indicado para promover o ganho de massa muscular, o whey protein ajuda a melhorar o desempenho nas atividades físicas, mas deve ser consumido com parcimônia. Envolvido em mitos, o IG conversou com a nutricionista Andreza dos Santos Dias, da Nutri Factory, que listou as oito dúvidas mais comuns sobre o suplemento e suas respectivas respostas.

Confira:

1 - O whey protein é o extrato da proteína do soro do leite, obtido durante o processo de produção do queijo, que possuem alto valor biológico. "Ou seja, são completas em aminoácidos essenciais, aqueles que o organismo não consegue produzir, principalmente os aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA)", detalha a nutricionista. O produto contém também muito cálcio, peptídeos bioativos e é de fácil digestão e absorção.

2 - O whey ajuda a ganhar massa muscular pois o corpo precisa sintetizar proteínas para 'crescer'. O suplemento é uma fonte de proteína que fornece ao corpo os aminoácidos essenciais de forma rápida, reparando as fibras musculares que sofrem microlesões durante os exercícios.

3. O whey protein não ajuda apenas a aumentar a massa muscular, mas também a reduzir a gordura corporal, modulação da adiposidade, aumento da imunidade, melhora do desempenho físico, redução da pressão arterial, combate aos radicais livres e redução do colesterol.

4. A prescrição do produto deve ser feita por um profissional qualificado, como médico ou nutricionista, mas crianças a partir de dois anos já podem consumir o suplemento, assim como adultos e idosos.

5. A quantidade indicada para crescer é de 0,25g de proteína por kg de peso, segundo estudo realizado por uma das maiores autoridades do mundo sobre suplementação de proteína, Stuart Philips, conta Andreza.

6. O whey em si não engorda, quando bem ministrado, diz a especialista. Muitas pessoas confundem ganho de massa com ganho de peso, mas o suplemento ajuda na troca de massa gorda por magra. 7. Nem todo mundo deve consumir o whey protein. O consumo depende muito da rotina e intensidade dos exercícios praticados, além da alimentação. "Geralmente quem precisa de suplementação é quem faz exercícios intensos e pesados", diz a especialista.

8. Receitas com whey nem sempre são mais saudáveis, pois segundo a especialista, quando elevado a altas temperaturas, a proteína perde suas propriedades. "Quanto maior for a temperatura e o tempo que o produto for exposto, maior a reação", diz Andreza. O ideal é usar o produto em receitas que não atinjam mais de 70ºC e pelo menor tempo possível, aconselha a especialista.

Nenhum comentário :

Tecnologia do Blogger.